Dicas para conservação dos principais ingredientes da Cerveja

c cerveja four recortes  x

Queremos neste Post esclarecer algumas dúvidas comuns no que se refere aos aspetos a ter em conta para um correto armazenamento dos principais ingredientes para a produção de cerveja.

São eles os Maltes, os Lúpulos e as Leveduras.

Assim:

MALTES

Para um correto armazenamento de maltes, de modo a que este não percam as suas propriedades nem sejam expostos ao risco de contaminação por insetos deverá ser tido em conta o local de armazenamento dos mesmos.

O local de armazenamento dos maltes deverá ser seco e escuro (com pouca exposição à luz) de modo a que os grãos não sejam expostos a extremos de temperatura e humidade. Os grãos também não deverão estar em contato com o ar, devendo ser guardados em sacos de plástico e se possível embalados a vácuo.

Aconselha-se também que os maltes sejam armazenados o mínimo de tempo possível (podem no entanto manter-se “saudáveis até um ano ou mais) principalmente depois de moídos, neste caso deverão ser utilizados até 24 a 48 horas após a moagem, desde que devidamente fechados e livres do contato com o oxigénio de modo a evitar a oxidação e a consequente alteração do sabor da cerveja.

LÚPULOS

É extremamente importante conhecer os principais inimigos dos lúpulos, que são:

– Calor

– Oxigénio

– Luz

Tendo em conta estes fatores, as condições de armazenamento dos mesmos são de extrema importância de modo a que conservem as suas características inalteradas bem como a sua vida útil e não venham a adicionar sabores indesejáveis à cerveja.

Aconselha-se o armazenamento dos lúpulos no frigorífico, em sacos fechados e preferencialmente embalados a vácuo para evitar ao máximo possível o contato com o oxigénio. Caso sejam para utilizar num longo prazo também poderão ser guardados no congelador.

LEVEDURAS

Existem leveduras líquidas e leveduras secas. Em Portugal, penso que serão utilizadas mais as leveduras secas, principalmente pelos cervejeiros caseiros.

Este tipo de leveduras é menos sensível às condições adversas, podendo o seu transporte ser feito à temperatura ambiente mas a conservação a médio/longo prazo deve ser feita em ambiente refrigerado, que pode ser na porta do frigorífico, por exemplo. Uma vez aberta a saqueta das leveduras, deve ser utilizada na sua totalidade, no entanto, caso não seja possível, as leveduras restantes ainda podem ser conservadas, bem fechadas mas por apenas 7 dias se forem mantidas a uma temperatura de cerca de 4°C. Deve também ser tido em conta o prazo de validade das mesmas.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Options